LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

6 de junho de 2011

Alfabetização pela Biblia: A Bíblia é a Cartilha




1. A Bíblia - Usamos uma própria para o programa. Suas letras e números são grandes negritados, impressa pela Sociedade Bíblica do Brasil. 

2. O Método - É um livro onde há todas as explicações de como alfabetizar, usando a Bíblia como cartilha.
.
3. Cadernos de Atividades - São cadernos impressos de mensagens dirigidas, que passo a passo vão ensinando o aluno a ler, escrever e contar. Cada aluno deve ter uma Bíblia e um caderno de atividades ao iniciar as aulas, pois a Bíblia é a Cartilha como poderão ver no método e o caderno são estudos programados para fixação das mensagens, família silábicas, palavras e versículos bíblicos e matemática até completar as 4 operações fundamentais, história dos números e algarismos romanos.

São dois planos para alfabetização e um para continuidade após a alfabetização (tudo pela Bíblia):

PLANO I - É um programa para 15 semanas. Ensina apenas a ler e muito pouco a escrever. É para crianças e pessoas idosas, que desejam apenas ler a Bíblia . Este trabalho é aplicado para crianças como primeira cartilha, tanto para o pré como para 1a. série. 

PLANO II - O programa é para 10 meses. São 2 cadernos grandes para os alunos. Eles ensinam: fixação das mensagens, das famílias silábicas, das palavras bíblicas e dos versículos, trabalhando as mensagens (Deus, Jesus, céus, etc.). Elas estão impressas e pedagogicamente preparadas para o aluno desenvolver diferentes tipos de fixação intelectiva e motora: pintar, cobrir e copiar. Com os versículos, começa o ensino da matemática. Ao terminar, o aluno sabe ler, escrever e efetuar as 4 operações. 

PLANO III - É o pós-alfabetização, que chamamos de Posalfa. Um programa que continua por mais 10 meses. Pessoas que já sabem ler e escrever, mas ainda vão tropeçando nas palavras, poderão alcançar um bom desenvolvimento, se a igreja matriculá-los num programa, usando o pós-alfabetização pela Bíblia. Os alfabetizados pela igreja devem continuar por mais 10 meses neste programa. São dois livros contendo 26 lições, (14 em um livro e 12 em outro livro.) Os conteúdos programáticos são crescentes. Também criamos 2 cadernos de matemática pela Bíblia. Em todo o mundo não existe nada semelhante em materia de ensinar pela Bíblia. A tradução do português para outras línguas já estamos começando. Estes preços são os que praticamos em todo o Brasil. Sempre propomos um treinamento para o grupo ministrante dos programas alfa e pósalfa pois assim é possível saber a realidade local e despertar maior interesse da Igreja pela necessidade de alfabetizar o nosso povo.

Fundamentação

Recente relatório da Unesco, organismo vinculado à ONU que trata de Educação no mundo, apresentou seu relatório sobre o Brasil como um país onde ¼ de sua população, que já deveria estar escolarizada, é analfabeta. Todo brasileiro que tem acompanhado a Educação, sabe que em termos de alfabetização quase nada foi feito e o pouco realizado tem sido por entidades particulares. Isto significa que ainda 40 milhões, em números arredondados, de adolescentes, jovens e adultos, são analfabetos. Isto é um problema real, para não mencionar outros tantos que mal escrevem o seu nome ou lêem apenas soletrando.

A alfabetização, portanto, não é só motivo para uma reflexão necessária, mas tornam-se obrigatórias medidas urgentes, pois ela possibilita um contato coerente com o semelhante, bem como a manifestação harmônica da personalidade nos aspectos: físico, psíquico, social e espiritual. Assim, urge o investimento cultural que vise o atendimento da grande demanda deste universo social.

Já quase ao cabo deste século, transformações abruptas têm ocorrido no modus vivendi do homem e ao seu redor. O analfabeto já não pode sair de casa para buscar ajuda e orientação, e voltar sem transtornos. Para ele, nem mesmo há oportunidade de trabalho, sentindo-se confuso na educação de seus filhos, além de inferiorizado e desorientado em relação aos critérios "certo" e "errado" impingidos às suas atitudes. Esse desnorteamento é ainda mais incidente quando a forte globalização, apregoada pela multimídia, é focalizada. 

A Alfabetização pela Bíblia oferece com eficiência uma metodologia de amplos resultados, representados pela capacidade do adolescente, jovem e adulto, de leitura de uma placa de destino afixada a um ônibus, de um anúncio de jornal, ou até mesmo de poder desfrutar da leitura do mais lindo romance de amor pela humanidade, que é a Palavra de Deus - a Bíblia. Este método visa alcançar, com grande probabilidade de acerto, o sucesso na erradicação do analfabetismo num lugarejo, numa vila, num município, enfim, em qualquer lugar.


METODOLOGIA

O Programa inicial é de 35 lições, atividade prevista para quatro meses, voltadas para o ensino da leitura, na Bíblia, e aprimoramento da leitura e escrita do que chamamos de mensagem, família silábica e sub-mensagem. Ex.: Deus (é a mensagem); da de di do du as es is os us (famílias silábicas); o dedo de Deus (sub-mensagem).

No plano II, o que chamamos de Caderno de Atividades números 1 e 2 são estudos dirigidos, em que se segue a seguinte ordem: mensagem, família silábica, sistema das colunas (as palavras são formadas em colunas, obedecendo o critério de seqüência das vogais O Ensino das Colunas.) Ex.: Dai, dei, dia, dói, duas. Ada, Edu, Ido, Odede, Us, Asdode, desde, dois, doidos, adeus, idéia-a, idade-e, dói-i, dedo-o, doeu-u. Essas palavras lidas e escritas dão seqüência às sub-mensagens, ou seja, um pensamento bíblico completo: O dedo de Deus, a idade de Ada, Ide a Asdode, o ódio dói, dei adeus aos dois: a Edu e a Ida, eis aí o dia de Deus. 

Esses cadernos contêm um total de 40 lições e perfazem 10 meses de ensino. Ao findar esse período, o aluno que mostrou aproveitamento recebe um certificado, que lhe dá direito a prosseguir na segunda fase, o pós alfabetização. 

Os Cadernos de Atividades contêm, além das lições para pintar, copiar, ler e escrever, lições com os numerais, que começam com o número dos capítulos e versículos, indo gradativamente às quatro operações fundamentais e ao ensino dos algarismos romanos.

Os Cadernos de Atividades contêm ainda estudos e devocionais para cada dia da semana, isto é, de domingo a domingo. São tarefas para casa todos os dias, pois essas devocionais procuram fixar as lições ministradas nas salas de aula.

Essas folhas de atividades em forma de caderno também ajudam a fixar as famílias silábicas maiúsculas e minúsculas, oferecendo oportunidades para melhorar a habilidade motora, paulatinamente, sempre unindo o útil ao agradável.

Tudo de acordo com o livro chamado: Método de Alfabetização pela Bíblia, do professor Gilberto Stêvão, cuja metodologia traz enriquecimentos no ensino-aprendizagem, com atividades desconhecidas até então nos processos de alfabetização, como o pintar as letras abertas, o ensino das colunas, ler e copiar textos de frases montadas, facilitando ao alfabetizando, desde a primeira mensagem, a compreensão de como podem ser unidas as famílias silábicas para formar as palavras e estas as frases. Inovações são introduzidas na forma de ensinar os numerais com o uso das tabelas e na forma de ensinar as quatro operações fundamentais, a exemplo da escada da matemática que facilita os resultados na multiplicação, sem auxílio da tabuada.

O pós-alfabetização compreende a Linguagem, que envolve, em suas 26 lições, Estudos Sociais, Ciências, Saúde, Conhecimentos Gerais, e a Matemática. São 2 volumes para 10 meses, tudo baseado na linguagem bíblica, com conteúdo equivalente à 4ª série, mas que no conjunto ultrapassa em muito esse nível, pois a proposta educativa leva à formação cristã da valorização do corpo, alma e espírito.

3 comentários:

Anônimo disse...

o link para "LOJA" indicado na outra página com mesmo conteúdo deste Blog não funcionou. Você ainda teria disponível o livro do Aluno I?
Pr Elias - Missão Batista Anhanduí

Adriano Portela disse...

Prezado Silvano,
você aplica esse método ou tem alguma relação com ele? Estou desenvolvendo um trabalho com meus alunos sobre inclusão linguística em comunidades religiosas... Desejo que eles realizem uma entrevista contigo, caso você tenha envolvimento com o método da Alfabetização pela Bíblia. Grato, Adriano.

adrportela@hotmail.com

Bethania Marchon disse...

O link não abre

Comentário